20 de dez de 2011
O céu se abriu nessa tarde...

Lembram do sentimento como dosador da existência?
Condicionada está a alma daqueles que não sabem onde olhar. 
Atormentada está a calma do vazio, leve salutar que conduz às beiras de precipícios que amedrontam só de ver... 
Resumir ao nada também não responde às questões... 
E então, o que você me apresenta? Me dê alternativas que condigam tanto com meus ceticismos quanto às esperanças mais profundas que alguns dos precipícios supra citados 
Tem, para além de qualquer sorte, ainda aquela minoria que consegue determinar, ao menos se posicionar diante do precipício. Agir com cautela ou espanto demanda do indivíduo certas condições. Melhor até nem enumerá-las e o discurso tornar-se longo. Então, abra os teus olhos, embora cansados, para a direção interior devidamente polida, moldada e esculpida pelas experiências da vida presente. Permita-se" deixar-se" sentir como espírito cuja áurea emane verdade e beleza. Permita-se. Deixe seu corpo reconhecer que faz parte de uma natureza generosa de discernimento e compreensão. 

Sinta-se plenamente! 






0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos