7 de ago de 2012
Deixe de lado o sorriso que evoca a maldade incolorEntão, faça assim: escolha o outro lado da dor
Pra sorrir
Basta um pouquinho de emoção, sei lá
Uma pitada de intromissão
Largar o pé da distinção
Deixar o fraco coração
Bater
Às frouxas tosses do pulmão
Bate bem quando o coração
Se intromete na respiração
E a maldade faz voar

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos