30 de jan de 2013
Tem crianças chorando
Pais e mães lamentando
Pela falta de humanidade e amor
E quem se entregaria ainda não chegou

Um pedaço de pão
Iludindo a razão
E perto da verdade não sei como agir
Mais fumaça que fogo aqui dentro de mim

De repente irrompe
Para além do horizonte
A tristeza enfraquece aumentando o mal
Cada dor se parece um momento final

Já me dei por vencido
Resistindo ao perigo
Coração tá tão frágil, parece papel 
Me falaram que a ajuda virá lá do céu


Ao meu lado, inimigos
Calam o meu sorriso
A força verdadeira vem do interior
E quem se entregaria ainda não chegou


0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos