14 de mar de 2013
Não vou financiar meu desatino
Nem te acusarei pela ausência
Faltou um pouco só de paciência
Agora quem te falta tem-lhe dito
Pleonasmo vale mais que eufemismo
Entrar adentro a fé que une corpos
Sair afora ao chão de meu teísmo
Não entregar a vida pelos mortos

Por que a linha torta não se endireita?
A porta deve mesmo ser estreita?

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos