6 de set de 2013
o seu amor...
tem um toque de brio
que me aquece no frio
da noite que embala
as nossas palavras
de amor e carinho

o seu amor...
me deixa encrencado,
carente, amarrado
sem sono na cama
na mesa, dez gramas
de um sonho roubado

o seu amor...
representa a verdade
que unida à maldade
que fere sem pena
maltrata, condena
tolhe a liberdade

o seu amor...
tem um cheiro de mato
que ato e desato
sem eira nem beira
cansaço, canseira
se entrega de fato

o seu amor...
desatina os segredos
instiga meus medos
depressa, divago
errado, me calo
calculo os desejos

o seu amor...
tem sabor de passado
um doce amargo
na boca, derrete
um crime, comete
pra deus, um pecado

o seu amor...
ultrapassa os limites
reparte, divide
o choro, a pena
que o mundo condena
disfarça, assiste




0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos