12 de out de 2013
saudade do homem emblemático
da entrega, da luta, da opinião
saudade do livro didático
do encanto no desconhecido
as descobertas, a lama, o chão
nada sabe ao certo 
o que se guia na testa
o que se manja de vida
o que de nada sei
da morte
do outro
do sonho
e de quem é o sorriso?
quem manda no desejo?
sou do sol
me dê a lua de presente
sou eterno
porque só conheço o vento


0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos