15 de nov de 2013
Abraça-me com teu canto esta noite
Que a vida suplanta o desespero
O tempo perfaz qualquer açoite
Unguento com um bálsamo de cheiro

Na sexta branca da paixão preta
Na vida nova do homem velho
Coração de pedra, é terracota
Missão do tempo, ação do vento

E afastar essa maldade da minha frente
Acorrentada lá ficar em sua mente
Sem sentimentos como pode haver a culpa
Arrepender-se, não existe em sua conduta

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos