30 de set de 2014
do desejo à vontade
à escolha
ao ato
desato
nasço de novo
já que mudei o que senti
destino certo
é filosofia de vida
represento
os saberes de um mundo
e nada sei sobre as coisas
senão o que se produz
semente que plantou deus
aurora imaginária
que desafia minhas dores

vou cantar um canto novo
elevar os olhos para as nuvens
brigar com o vento
xingar o azul desse céu
aparelhar meu caminho
punir meus opressores
força tanta
canto de luz e escuridão

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos