16 de mar de 2015
sinto-me
teu
e
estou preso
na armadilha
de um sentimento
ilhado

toda ação
toda palavra
se esvaziam
sem você
aqui

não posso
ser um só
sem teu
abraço
uma ponta
só do laço
que
desamarrou

eu quero
ter de novo
o mesmo
espaço
e fumar
do mesmo
maço
as mazelas
desse
nosso
amor

é pouco
e afinal
tudo se acaba
o teu gosto
vem
e
amarga
a doçura
que

causa
dor

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos