16 de abr de 2015
num sonho
ganhei a eternidade
que
andava perdida nos meus julgamentos

era a bondade
que eu não tinha escolhido
o amor
que eu teimava em sentir
embora você não entendesse

e agora,
a moeda de troca
é o puro sentimento
que ficou à beira de uma arma apontada na testa

te amo
mais que a eternidade de um sonho


0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos