26 de jul de 2012
À esmola - mãos
Ao meu rosto - traços
Ao aperto - braços
Para as pernas - passos
Aos meus sonhos - chãos

Todo cuidado - é pouco
Saudade - maltrata
Aperta lenta - mata
E o coração - desata
O sóbrio resta - louco

Ao carnaval - outra canção
Ao derrocado - antipatia
Ao coração - as avarias
Devolvam-me - cada fatia
Que se refaça - a criação

Medo da vida -  e da morte
Desembaraço - claridade
Ao final - eternidade
De mentira - ou verdade
Quando fraco - fico forte

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos