3 de nov de 2013
a claridade esconde o breu
das vaidades pequenas,
ausências, emendas,
maldades

e o medo de mentir 
não tem sentido
num todo da parte
que é só uma parte
do mundo

que eu criei pra te sentir
e paralela eu seja uma linha
ao lado, de frente, em cima,
do umbigo

tem muita curva nessa reta
feito uma flecha de riso,
escárnio, desvio,
saudade

de uma vida que não tive
de uma droga que me avise
em minha mente, deus existe
só quero um gosto ambíguo
de sonho, bebida,
de graça, vertigem,
cigarros

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos