20 de ago de 2014
se era amor
ou fantasia
me sinto assim
meio tom desordenado
de amor

deixo o passado
mais a cara do presente
o que te fere
não me atinge

eu sou assim
eu sou demais
e o coração
deixa que sinta
o que quiser

qual a razão do sentimento
intuição
raro momento
nem sempre a verdade agrada
o amor à espera da amada
perdeu a hora e o tempo
mas não o jeito
inesperado de sentir

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos