25 de fev de 2015
e qual a cor do respeito
um preto
amiúde
branco

quero ter
pra depois
aprender a ser
e amar

é da cor
da felicidade
escondida
no olhar do escravo
estampada na roupa do rei
envolvida nas mãos do algoz

é respeito,
quero te dar uma cor que
nos represente
mas a verdade é que você
e eu nos amamos
raso
e profundamente

depende do ganho
da farsa
do prêmio

tens a prerrogativa
do amor
mas longe
o imaginário
do homem

0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos