19 de jan de 2013
Minto.
Para provar que amo,
Meu coração se divide,
Multiplica-se pra dar conta.
E, não tem jeito
Me desespero em tua presença
E quando a tua ausência me custa algo,
Dou o que de mim está faltando.
Fico todo angustiado.
Minto.
E quando o sol resolve iluminar
Ou a lua, embalar o sonho,
Aparento.
Se a existência pressupõe o que sou, 
Cabe-me dizer a verdade: 
É tudo mentira!



0 comentários:

Seguidores

Acessos

Marcio Lima. Tecnologia do Blogger.

+ Vistos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve...:

Minha foto

Olá! Sou Marcio Lima, filósofo e poeta. Trabalho como professor de Sociologia nas redes públicas de Goiás e do DF. 

Em meus textos se encontram várias facetas de mim mesmo, do mundo que me rodeia, do outro e da experiência da transcendência que transforma. 

Teça seu comentário!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Concursos